0 0
Chá de feijão azuki

Partilhar nas redes sociais:

Ou pode copiar e partilhar este link

Ingredientes

Ajustar quantidades:
1 cup Feijão azuki
4 a 6 cups Água filtrada
Tira de alga Kombu (7 cm)

Chá de feijão azuki

Características:
  • Sem açúcar refinado
  • Sem óleo
  • Vegan
  • Preparação: 5 min
  • Cozedura: 30 min
  • Total: 35 min
  • 3 chávenas
  • Fácil

Ingredientes

Descrição

Partilhar

As leguminosas são consideradas os alimentos por excelência para os rins, especialmente o feijão azuki, um feijão pequenino e vermelho, muito semelhante em formato aos nossos rins. Para além de ser relativamente fácil de digerir e fermentar muito menos que os outros feijões, podemos com ele criar deliciosas sobremesas e snacks. Até chá podemos fazer. Mas disso falaremos mais abaixo.

Os rins, em medicina oriental, estão intimamente relacionados com os órgãos reprodutores e, por essa razão, uns rins saudáveis contribuem para a manutenção da vitalidade física e sexual de cada um. Mais, uns rins fortes estão associados a espírito de aventura, coragem, curiosidade, criatividade, boa capacidade de adaptação e flexibilidade. Quando em mau funcionamento, o medo, ansiedade e falta de coragem surgem à tona. Por isso, vamos lá tratar destes nossos amigos! Hoje a receita é dedicada a eles: chá de feijão azuki.

Este chá foi das primeiras recomendações que o Francisco Varatojo me deu quando fui à minha primeira consulta de macrobiótica, há uns bons anos atrás, já lá vão 7. Desde aí, tem-me acompanhado sempre. É um remédio daqueles! Bebo-o durante uns dias, fora das refeições, e os rins agradecem-me cada gole! 🙏 Não, não é mau de se beber. Sabe a feijão (ou a sopa de feijão insossa), como seria de esperar.

Na visão macrobiótica, é indicado para:
– Fortalecimento dos rins, bexiga e órgãos reprodutores;
– Problemas de rins e bexiga;
– Problemas de ossos e articulações;
– Regulação do período menstrual.
É também benéfico em caso de diabetes (ajuda a regular os níveis de açúcar).

💛💛

Bibliografia:
O Livro de Cozinha da Marta, Marta Varatojo, Marcador;
Os Alimentos Também Curam, Francisco Varatojo, A esfera dos livros.

Passos

1
Concluído

Coloca o feijão azuki de molho durante a noite ou, pelo menos, durante 4 horas.

2
Concluído

Descarta a água da demolha e, com a ajuda de um coador de rede, passa o feijão por água limpa.

3
Concluído

Leva ao lume um tacho com o feijão, a água e a alga previamente demolhada.

4
Concluído

Quando levantar fervura, reduz o lume para o mínimo e deixa cozinhar durante 20-30 minutos.

5
Concluído

Coa os feijões e a alga e bebe uma chávena deste caldo enquanto está quente. Podes juntar uma pitada de sal ou umas gotas de shoyu ou tamari.

6
Concluído

Acrescenta mais água (quente) aos feijões e deixa cozinhar até que fiquem macios e utiliza-os noutras preparações culinárias.

anterior
Batido de couve flor e manteiga de amendoim
seguinte
Biscoitos de chia e limão
anterior
Batido de couve flor e manteiga de amendoim
seguinte
Biscoitos de chia e limão

Adicionar comentário